Como Apagar As Estrias

Graça Feminina – Estrias: saiba o que realmente tem êxito para oferecer fim a estas linhas indesejáveis. Menos famosos no imaginário feminino que as temidas celulites, as estrias são capazes de sim ser consideradas um fator comprometedor, uma característica física desagradável. Em resumo, ninguém quer ter; contudo algumas vezes elas aparecem e deixam suas marcas. Antes de partir para o tratamento é preciso elucidar suas causas.

No estágio seguinte, que deixa as linhas arroxeadas, a melhoria é de 70%”, esclarece Valéria.

Pra perceber o grau de eficiência dos tratamentos é prazeroso saber a diferença entre os tipos de estrias. A estria vermelha, que significa a fase inicial e inflamatória do defeito, responde melhor aos tratamentos. Nessa fase as células têm mais capacidade de regeneração e no momento em que são tratadas a tempo, a avanço é de quase cem por cento. No estágio seguinte, que deixa as linhas arroxeadas, a melhoria é de 70%”, esclarece Valéria. De acordo com a médica, o laser trata todos os tipos de estria, entretanto as brancas, mais antigas, só reduzem de tamanho, e se tornam menos compreensíveis, sumir é quase irreal. A estria vermelha tem a hemoglobina pra ser o centro da claridade do laser, que ao penetrar pela pele aquece os vasos sanguíneos e estimula o nascimento de fibras de colágeno.

Inclusive, a estria vermelha, em alguns casos, poderá até responder a tratamentos focos, feitos sem nenhuma tecnologia agregada”, explica Valéria. Botar hidratantes todos os dias assistência a aperfeiçoar a elasticidade da pele e apagar o embate de um estiramento, contudo ainda não é a solução. Desse significado, o ácido retinoico, manipulado ou industrializado, pode ser um amplo aliado, se aplicado uma vez por dia”, acredita Denise Barcelos. No entanto pra pegar proveito dessa alternativa é primordial saber a concentração indicada pra cada caso, dica que cabe ao dermatologista falar.

A vitamina C e o emprego dos alfahidroxiacidos bem como são outra opção não tão produtivo, todavia como causam menos efeitos nocivos e são capazes de ser usados pela gestação, têm o teu valor”, lembra Valéria Campos. Como é feito: Antes é aplicado um anestésico tópico, que é retirado antes do procedimento. A aplicação do laser é feita com um aparelho que desliza a respeito da pele e causa uma dor suportável e a comoção de ardência por até trinta minutos pós-sessão. Não pode tomar sol durante todo o tratamento e mesmo após concluído, o médico ainda faz uma restrição de acordo com cada caso. Nível de melhora: As estrias brancas de cinquenta a 80 por cento, vai depender do tamanho, espessura e tempo de vivência. As vermelhas conseguem sumir. Número de sessões necessárias: Ao menos 6, com intervalos de quinze dias a um mês.

Depois do laser podes ser feito um peeling na área tratada.

Contra-indicação: Não há, contudo as gestantes devem evitar por segurança. Vantagens: O laser é Image result for colastrinamuito eficaz contra as estrias. É a tecnologia que mais produz colágeno”, resume Denise. Desvantagens: O custo ainda é grande. Como é feito: O laser é aplicado diretamente nas estrias. A área tratada fica machucada por causa de a camada breve da pele é retirada, dessa forma é primordial passar um anestésico recinto e jato de ar gelado pra minimizar a agonia. Depois do laser podes ser feito um peeling na área tratada. A recuperação da pele leva por volta de duas semanas e deste período é necessário utilizar pomadas cicatrizantes.

  • 5- Colocar a MÁSCARA COM ÁCIDO DE FRUTAS E VITAMINA E, deixando-a agir por vinte minutos
  • Anda de Bicicleta ou Patins
  • trinta e sete-Pílula anticoncepcional provoca celulite
  • três – Lábios
  • Exercícios! Essa dica não precisa nem sequer ser dita, né? Sem exercícios, não há tonificação
  • 1 O que é

Fica proibido tomar sol na localidade tratada por no mínimo um mês após a sessão. Grau de melhora: As estrias vermelhas melhoram em média oitenta por cento depois de três sessões, neste momento as antigas, que são as brancas, melhoram em média cinquenta por cento após 5 sessões. Número de sessões necessárias: Poderá variar de 3 a seis sessões com intervalo de um mês entre elas. Contra-indicação: Gestação, pacientes com câncer e diabetes descontrolado e os que fazem quimioterapia. Vantagens: Segurança e efetividade.

Desvantagens: Ainda é um método caro. Dispositivo de ação: A iluminação intensa pulsada atinge os vasos sanguíneos, provocando um aquecimento local e estimula a produção de colágeno, que regenera a pele. Como é feito: A ponteira do instrumento é aplicada diretamente nas estrias, o que não machuca a pele, todavia poderá causar queimaduras em peles morenas e bronzeadas. Neste instante depois da sessão, um peeling podes ser aplicado pela área tratada. A sessão dura em média dez minutos e não há inevitabilidade de pomadas cicatrizantes. A pele não necessita ser exposta ao sol por pelo menos quinze dias após o procedimento. Grau de evolução: As estrias vermelhas melhoram em média 50 por cento depois de três sessões. Número de sessões necessárias: Varia de 3 a seis sessões, com intervalo de um mês entre elas. Contra-indicação: Gestantes, pele bronzeada e cútis muito morena.

Aparelho de ação: Esse processo é mais invasivo.

Vantagens: Não circunstância dor e tem um gasto mais pequeno que o laser. Desvantagens: Não podes ser feita pela pele bronzeada visto que poderá remover o pigmento natural da pele e provocar manchas mais claras. E mais: não tem êxito pras estrias brancas. Indicado pra: Estrias brancas. Aparelho de ação: Esse processo é mais invasivo. Por ter afinidade com a água o laser penetra na cútis e ferve a água existente no tecido cutâneo, com isto a pele vira vapor e é eliminada. Este recurso ocorre em microáreas e por isso se produz uma nova pele.

Quando feito adequadamente, não oferece riscos de cicatrizes”, reconhece Valéria Campos. Como é feito: O laser é aplicado diretamente nas estrias. A área tratada fica machucada visto que a camada raso da pele é retirada, então é interessante botar um anestésico recinto e jato de ar frio para minimizar a angústia. Após o laser pode ser feito um peeling pela área tratada. A recuperação da pele demora por volta de duas semanas e deste período é necessário utilizar pomadas cicatrizantes. Fica proibido tomar sol pela região tratada por ao menos 2 meses após a sessão. Grau de evolução: Em média 50%, após 3 sessões. Número de sessões necessárias: Varia de uma a três sessões com intervalo mínimo de um mês entre elas. Contra-indicação: Gestação, doenças muito debilitantes como câncer avançado e diabetes descontrolado, como esta de para quem faz quimioterapia.

Pacientes com tendência à quelóide não devem fazer. Colastrina depoimentos https://necessitae.com/colastrina/ Vantagens: Resultados com um número menor de sessões. Desvantagens: Ainda é uma técnica cara, com alto risco de efeitos secundários e nem ao menos todos os equipamentos têm o mesmo efeito, o que na prática poderá dificultar o domínio do médico e comprometer a efetividade do tratamento. Indicado para: Estrias brancas e vermelhas. Dispositivo de ação: “O peeling remove a camada superficial da pele forçando a sua renovação por intermédio de um método inflamatório, no entanto é um método que expõe melhoras gradativas no semblante da estria. Neste momento o laser pode agir mais profundamente e em geral o repercussão poderá ser mais evidente”, justifica a dermatologista Samanta Nunes, de São Paulo.

Como é feito: Antes de tudo é feita uma raspagem, com microcristais esfoliantes, na região a ser tratada – essa etapa vai favorecer a absorção dos ativos que vêm depois. Posteriormente se aplica o ácido retinoico, com propriedades regeneradoras, que terá uma boa penetração na pele. Nessa fase pode se passar também um clareador, dependendo do tom da pele e da estria”, acrescenta Samanta. Feito isso, a área é coberta com um plástico que deve ser retirado de 6 a oito horas depois, pra garantir o contato do ácido com a pele.

Passado este tempo a paciente retira o ligeiro com água corrente, em casa. O peeling em si não dói. No dia seguinte a pele fica vermelha, quente e provoca muita coceira, sintomas que podem durar até uma semana. A paciente não poderá se exibir ao sol durante todo o tratamento, inclusive nos intervalos das sessões. Nível de avanço: Com 3 sessões é possível atingir uma evolução de quarenta a cinquenta por cento do estilo da estria. Número de sessões necessárias: Normalmente de 3 a 5 sessões, com intervalo de três a 4 semanas entre elas – vai depender da localidade tratada e da resistência da pele de cada paciente. Contra-indicação: Pele com alguma lesão ou muito bronzeada pelo motivo de poderá permanecer com manchas. Vantagens: “É um tratamento rápido e de gasto relativamente miúdo no momento em que comparado ao laser fracionado. É possível fazer todas as aplicações de peelings com o preço de uma sessão de laser”, esclarece Samanta Nunes.